John Deere anuncia nacionalização de motoniveladoras

A John Deere, com sua linha de máquinas pesadas e equipamentos para construção, anuncia que irá nacionalizar a partir de 2021 a produção de três modelos de motoniveladoras – 620G, 670G e 770G –, atualmente importados.

Para isso, ampliará a fábrica de Indaiatuba, SP, em 12.000 m² de área fabril. Com este comunicado, logo após a recém-nacionalização dos tratores de esteira 700J, 750J e 850J, a companhia completa seu portfólio de soluções para fornecer suporte integral aos seus clientes no desafio de desenvolver a infraestrutura brasileira, em frentes como logística, moradia, transporte, saneamento e/ou energia.

Esse movimento da empresa está pautado pelas boas perspectivas para o setor nos próximos anos. Para Roberto Marques, diretor de Vendas da divisão de Construção da John Deere Brasil, o país tem uma alta demanda de obras reprimida que precisará ser destravada num curto espaço de tempo.

“São vários fatores que nos levam a uma expectativa positiva: o crescimento exponencial da população, a concentração das pessoas nos centros urbanos com a formação de megacidades e a necessidade urgente de melhorias no escoamento das safras agrícolas, motor do PIB. Para atingirmos esse equilíbrio, precisamos estar preparados do ponto de vista tecnológico, investindo em construções de precisão, conectadas e inteligentes. Esse é o caminho”, afirma o executivo.

“Nossa estratégia para o Brasil é de longo prazo e independe de oscilações temporárias do mercado, o que nos permite oferecer alternativas eficientes de produtos e serviços aos clientes. Estamos felizes por estarmos contribuindo para o fortalecimento do setor, além de viabilizarmos a criação de mais postos de trabalho e incentivarmos o crescimento do mercado nacional”, ressalta.

Produzir as motoniveladoras no país, afirma Marques, permitirá que elas se enquadrem em diferentes programas de financiamento de máquinas para clientes brasileiros, facilitando o acesso e, inclusive, a exportação destes itens para demais países da América do Sul.

“Somos a única fábrica no mundo, além dos Estados Unidos, apta a produzir alguns dos modelos do portfólio John Deere, como os tratores de esteira e a partir de 2021 também as motoniveladoras”, comenta Marques.

Atualmente são produzidos em Indaiatuba oito modelos de pás-carregadeiras, cinco escavadeiras John Deere e quatro Hitachi, uma retroescavadeira e três modelos de tratores de esteira. São importados três modelos de pás-carregadeiras, três modelos de escavadeiras e, agora, as motoniveladoras.

Fonte: M&T