Comércio de materiais de construção cresce 3,3%

Pesquisa mensal da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) apontou que o faturamento do setor aumentou 3,3% em setembro, em comparação ao mês anterior. Na comparação com o mesmo período do ano passado, o crescimento foi de 4%.

No acumulado de 2019, o faturamento teve alta de 2% em relação ao mesmo período de 2018. Na análise dos últimos 12 meses, houve crescimento de 1,5%, face aos 12 meses anteriores.

Com relação ao emprego no setor, em setembro, o número de vagas se manteve estável, com variação nula em comparação a agosto, e 0,5% inferior frente ao mesmo mês do ano passado.

Segundo o presidente da Abramat, Rodrigo Navarro, devido à alta recente nos indicadores de vendas e lançamentos de imóveis na planta em algumas regiões do País, a tendência é de que, no próximo ano, as vendas de materiais de construção nessas áreas especificas também cresçam.

“Observamos que a retomada do setor tem tido um ritmo contido, mas isso já era esperado. O varejo já vinha aquecido desde o ano passado, o mercado imobiliário, ainda que regionalmente, volta a dar sinais positivos”, disse.

Ainda de acordo com Navarro, para que a indústria obtenha mais ganho, é necessário que as obras de infraestrutura apresentem um cenário mais concreto de execução; situação que poderá vir a ocorrer após o após o andamento de pautas importantes, como das reformas atualmente em discussão

Fonte: SEBRAE